[EVENTOS] programação Fantasticon 2008 #4

O blog Universo Fantástico divulgou mais algumas atrações da Fantasticon 2008 – Simpósio de Literatura Fantástica que acontece nos dias 05 e 06 de Julho no Colégio Marista Arquidiocesano, na Vila Mariana em São Paulo.

Algumas das atrações já haviam sido divulgadas aqui no Blog Insônia, mas a maioria é inédita, confiram:

– Sala Temática: “O QUARTO DOS 100 KWAIDANS- AS FACES DO MEDO”

Em homenagem ao Centenário da Imigração Japonesa teremos uma sala temática sobre contos de horror sobrenatural japoneses e lendas urbanas fantásticas. Segundo uma lenda japonesa, quando alguém contar 100 Kwaidans (histórias sobrenaturais), ela mesma será protagonista de um acontecimento sobrenatural. Assim, teremos sessões de contação de histórias fantásticas a cada uma hora, com início às 11 horas.

Atividade: “STOP! FANTÁSTICO”

Neste ano, para nossa programação de filmes, estamos contando com o apoio da Fly Cow, produtora que realiza a Mostra Curta Fantástico, evento que exibe curtas-metragens nacionais com a temática fantástica, ou seja, filmes de horror, ficção científica ou fantasia, desde 2006. Desta forma, teremos com esta parceria, uma seleção dos melhores curtas fantásticos nacionais que foram apresentados nas duas últimas edições da Mostra.

O cinema fantástico é um gênero cinematográfico pouco explorado pelo cinema brasiliero, fazendo do país um fenômeno de incoerência. Basta lembrar que o Brasil e os países latinos americanos são ricos em lendas, contos e folclores da região. Estranhamente, porém, o fantástico é marginalizado pelo circuito comercial, mídia e grande público.

O intuito da Mostra Curta Fantástico é:
1) Abordar o Cinema Fantástico no Brasil e na América Latina.
2) Mapear a produção existente,
3) Trazer a público essa produção
4) Incentivar estudantes, escolas e profissionais do cinema brasileiro, fomentando a produção de curtas-metragens sobre o tema.
5) Divulgar os grupos, instituições publicas e privadas que trabalham, pesquisam e estudam o fantástico na linguagem cinematográfica no Brasil e América Latina.

As duas primeiras edições foram realizadas na cidade de Ilha Comprida, litoral sul do Estado de São Paulo (200 km) e contou com parceria da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo e da Prefeitura Municipal, através do Departamento de Cultura do Município.

A partir desse ano de 2008, a Mostra terá mudanças importantes. A principal delas é o nome, que agora encurtou para “Mostra Curta Fantástico”, adotando o apelido dado pelos organizadores. Outra alteração é a vinda do evento para a cidade de São Paulo, em novembro, de forma a facilitar o acesso do crescente público ao evento.

Palestra: “O PÓS-APOCALIPSE E O FANTÁSTICO: O ESPETÁCULO DO IMAGINÁRIO”

Desde tempos antigos que um pesadelo atormenta a humanidade: o fim do mundo com o seu resultado inevitável – o aniquilamento do planeta e o desaparecimento da espécie humana. Janaina Azevedo mostra como nossos velhos medos são agora apresentados em novas visões na literatura, nos quadrinhos e no cinema. São os espetáculos imaginários em torno da sociedade do futuro, projetando esperança para a eternização do Homem sobre a Terra.

Janaina Azevedo é empresária dos setores de educação, produção cultural e publicações. Mestranda em Letras pela FFLCH-USP, é diretora da OPELF (Oficina de Produção e Literatuta Fantástica).

Paletra: “VIDA LOUCA, VIDA INTENSA – UMA VIAGEM PELA FICÇÃO CIENTÍFICA DE WILLIAM S. BURROUGHS”

O escritor William Burroughs Foi um dos responsáveis pelo surgimento da chamada “Geração Beat“, movimento que culminou com a revolução sexual e o posterior desenvolvimento da cultura hippie nos Estados Unidos. Grande parte de sua obra, de atmosfera fantástica e grotesca, celebra a não-conformidade e a criatividade espontânea. Sua obra mais conhecida, “Almoço Nu” (Ediouro), é uma narrativa inovadora dos efeitos cáusticos provocados pelo abuso da heroína e outras químicas pesadas. A viagem que Bráulio Tavares propõe é uma aproximação da obra de Burroughs com a de escritores de FC, como J.G. Ballard, Samuel R. Delany e Philip K. Dick.

Bráulio Tavares é escritor, roteirista e compositor. Compilou a primeira bibliografia do gênero: o Fantastic, Fantasy and Science Fiction Literature Catalog (Fundação Biblioteca Nacional). Autor de “A Espinha Dorsal da Memória”, “A Máquina Voadora” e “Anjo Exterminador” (todos pela Rocco). Organizou as antologias “Freud e o Estranho”, “Contos Fantásticos no Labirinto de Borges” e “Páginas de Sombra“; (todos pela editora Casa da Palavra).

Palestra: “OS MONSTROS NA LITERATURA FANTÁSTICA”

O que é um monstro? Qual a sua origem? Como reconhecê-lo? Onde ele vive? Devemos temê-lo? Estas são questões curiosas, assim como o próprio conceito de monstro, que sempre dependeu do período histórico e da cultura em que foi formulado. Existem muitas histórias sobre monstros – em livros, nos filmes e até na vida real. O monstro, afinal, é tão antigo quanto o pensamento. Utilizando sua pesquisa para o livro “Almanaque dos Monstros”, Gonçalo Júnior irá falar sobre seres fantásticos, criados pela imaginação ou da vida real.

Gonçalo Júnior, jornalista e advogado, trabalhou e colaborou em jornais e revistas como Gazeta Mercantil, Folha de S. Paulo, Carta Capital, Bravo! e Imprensa. É autor dos livros “País da TV” (Conrad), “A Guerra dos Gibis” (Cia. das Letras), “Tentação à Italiana” (Opera Graphica), entre outros. Publicou os álbuns de Quadrinhos, Claustrofobia (Devir), ilustrado por Júlio Shimamoto, e “O Messias” (Opera Graphica), com arte de Flávio Luiz. Está lançando o livro “Almanaque dos Monstros” (Ediouro).

Bate-papo: “OS DESAFIOS DE ESCREVER LITERATURA FANTÁSTICA NO BRASIL”

Atualmente, uma nova geração de escritores de Literatura Fantástica tem surgido e publicado. Será que está surgindo uma Nova Onda no gênero? Quais são as dificuldades para o novo autor? Como fazer para publicar? Que caminhos seguir para escrever um bom livro? São questões para serem respondidas.

Nelson de Oliveira é escritor e doutorando em Letras pela USP. Recebeu os prêmios Casa de las Americas, o da Fundação Cultural da Bahia e o da APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes). Coordena oficinas literárias para escritores iniciantes. Organizou as antologias *Geração 90: Manuscritos do Computador* e *Geração 90: Os Transgressores*, chamando a atenção da imprensa para uma nova geração de escritores brasileiros. Ultimamente tem se voltado para a ficção científica, sua primeira paixão na literatura. Organizou a antologia “*Futuro Presente”, a sair pela Record em 2009.

J. Modesto é arquiteto e urbanista pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo. Fã de literatura fantástica, abandonou as pranchetas para enveredar pela ficção. É autor do romance “Trevas” (Giz Editorial) e aguarda o lançamento de seu novo livro “Anhangá” (Giz Editorial).

Cristina Lasaitis é escritora e biomédica. Participou do livro “Visões de São Paulo – Ensaios Urbanos” (Tarja Editorial), tem textos publicados na revista Scarium e no site Novas Visões de São Paulo. É autora do livro “Fábulas do Tempo e da Eternidade” (Tarja Editorial)

Nazarethe Fonseca é escritora. Seu livro de estréia foi “Alma e Sangue, o Despetar do Vampiro” (Novo Século). Atualmente morando em Natal, Rio Grande do Norte, vem se dedicando a produzir poemas, contos e crônicas.

Cláudio Villa é escritor e publicitário, autor do romance épicoPelo Sangue e Pela Fé” (Espaço Editorial). No blog Mundos de Mirr, relata suas experiências, dificuldades e realizações como um escritor iniciante no Brasil. Atualmente trabalha seu segundo livro e desenvolve um projeto que permitirá aos leitores conhecerem sobre o universo de suas histórias.

Palestra: “A FICÇÃO COMO BASE PARA UMA NOVA REALIDADE: DE BAKER STREET AO SÍTIO DO PICAPAU AMARELO”

Como a ficção literária estabelece ligações com a “vida real”, criando uma teia de relações entre os fatos históricos e as estruturas narrativas, fazendo com que a fronteira entre os fatos a a ficção se tornem difíceis de distinguir. Uma discussão sobre os trabalhos William Baring-Gould, Philip José Farmer, Márcia Camargos, Alan Moore, Monteiro Lobato, Arthur Conan Doyle, Edgar Rice Burroughs, Lester Dent, entre outros.

Octávio Aragão é Doutor em Artes Visuais pela UFRJ, Foi editor de arte da Ediouro, subeditor de arte de O Dia e coordenador de arte de O Globo. Hoje é profesor adjunto da Universidade Federal do Espírito Santo. Como escritor, é autor do romance “A Mão que Cria” (Mercuryo), e foi editor da antologia Intempol (Ano-Luz). No momento, morando em Vitória, está escrevendo “A Mão que Pune” e co-produz a graphic novel “Para tudo se acabar na Quarta-feira“.

Oficina: “GÊNESE – A CRIAÇÃO DE MUNDOS FANTÁSTICOS”

Oficina com dicas e muita informação sobre como criar universos ficcionais. Uma atividade direcionada para todos aqueles que querem se lançar na aventura de escrever. Saber criar mundos que sejam verossímeis e interessantes é essencial para a confecção de boas histórias.

Richard Diegues, editor da Tarja Editorial. Autor de “Tempos de Algória“, ”Sob a Luz do Abajur” e “Magia – Tomo I . Organizou as antologias: “Histórias do Tarô“, “Necrópole – Histórias de Vampiros“, “Necrópole – Histórias de Fantasmas” e “Visões de São Paulo – Ensaios Urbanos“.

Gianpaolo Celli, editor da Tarja Editorial. Organizou as antologias: “Necrópole – Histórias de Fantasmas” e “Necrópole – Histórias de Vampiros”. É colaborador dos sites Tribos de Gaia, Magia Prática e Visões de São Paulo.

Bate-papo: “UM OLHAR SOBRE A LITERATURA FANTÁSTICA ATUAL”

Um conversa sobre as novas tendências da Literatura Fantástica: New Weird, Steampunk, New Space Opera, entre outras.

Fábio Fernandes é escritor, jornalista e tradutor. Atualmente, dedica-se ao seu primeiro livro de cyberpunk ‘Os Dias da Peste’.

Guilherme Kujawski é jornalista especializado em arte e tecnologia, escritor de ficção científica e coordenador do Itaulab, laboratório de mídias interativas do Itaú Cultural. Autor de Piritas Siderais – Romance Cyberbarroco (Francisco Alves). Jacques Barcia é escritor de Fantasia e Ficção Científica. Jornalista de tecnologia, Editor da revista eletrônica “Kalíopes” e das publicações da Editora Fábrica dos Sonhos.

Sérgio Kulpas é escritor, jornalista especializado em mídia e telecomunicações, e co-autor com Guilherme Kujawski da noveleta “Borba na Infolândia”.

Bate-papo: “O MERCADO EDITORIAL DE LITERATURA FANTÁSTICA NO BRASIL”

Importante participação dos editores do gênero fantástico com novidades, informações e curiosidades do mundo editorial de hoje.

Douglas Quinta Reis, diretor editorial da Devir;
Gumecindo Rocha Dórea, editor das Edições GRDAdriano Fromer Piazzi, diretor editorial da Aleph;
Ednei Procópio, editor da Giz Editorial;

– ENCONTRO DO GELF (Grupo de Estudos de Literatura Fantástica)

Reunião do GELF, coordenado pela escritora Rosana Rios, que se dedica a discutir, apreciar e divulgar obras literárias de literatura fantástica (ficção científica, fantasia e horror) suas interações e obras precursoras, além de comentar transposições para cinema, teatro, televisão e quadrinhos.

por Tiago Castro
fonte: Universo Fantástico

Anúncios

One Response to [EVENTOS] programação Fantasticon 2008 #4

  1. Armando Pires disse:

    Adorei seu post!

    Pessoal, essa eu tenho que recomendar, dois sites interessantíssimos: http://www.meus3desejos.com.br e http://www.videoflix.com.br.

    Abs.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: