[CONTOS] #3 – Vitória (Adriano Siqueira)

Esconjuro-te, negra criatura vampírica…

Antes que eu terminasse o vampiro pulou para cima de mim com suas garras.
Estava täo faminto que parecia um animal. Eu conseguia sentir o seu cheiro de mofo por todo o lugar. Peguei a estaca e enfiei nele uma, duas… Quatro vezes… Até que ele gritou e caiu.
Mesmo cansado e ferido, com a luta, eu estava feliz por ter dado conta dele sozinho, já que meus amigos estavam no chão, junto àquela fera, completamente mortos!
Tudo estava acabado. Porém, aquele cheiro de mofo não acabava…
Olhei minhas mãos… O sangue que estava nelas começava a sumir! Eu me sentia mais forte, e meu reflexo no espelho estava sumindo!
Não… Estava me transformando naquele animal!
Por sorte, eu era o único vivo naquela sala e o sol estava nascendo.
Corri em direção a janela e pulei.
Finalmente… Vou morrer, mas levo a maldição comigo!
Durante a queda, olho para a janela e vejo a criatura rindo; eu fui enganado!
No meio da luta ele me hipnotizou e tudo que eu tinha visto era ilusão!
Infelizmente, a queda da janela era a única realidade nisso tudo…

— — —

Para saber mais sobre o autor Adriano Siqueira acesse http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/
Outros trabalhos do autor em Adorável Noite e Escuridão Noturna

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: